Av. Brasil, 694 - Centro Faxinal - Pr

prefeitura@faxinal.pr.gov.br

(43) 3461-8000

×

especial

O futebol invade a moda

Quinta-feira, 05 de junho de 2014

Última Modificação: 05/11/2018 13:49:44


Ouvir matéria

Nas últimas temporadas, a estética fashion com apelo esportivo entrou em campo impulsionada pela realização da Copa do Mundo no Brasil e conquistou vaga no time principal das tendências de inverno

No ano em que o Brasil recebe a Copa do Mundo, a moda de rua se pinta de verde-amarelo-azul e branco, sim senhor! Sem contar que ganha contornos minimalistas e tecidos tecnológicos, tudo para mostrar que o estilo sport-chic chegou para ficar. Modelagens amplas, listras bicolores e peças confortáveis saem das passarelas e prometem invadir as ruas no inverno, sem deixar a sofisticação de lado

Que o Brasil é o país do futebol não se discute. Mas usar o sportwear misturado à roupa do dia a dia – e ainda mais com sofisticação – é moda para poucos. Nas últimas temporadas, a estética fashion com apelo esportivo entrou em campo impulsionada pela realização da Copa do Mundo no Brasil e conquistou vaga no time principal das tendências de inverno. “A mistura com estilos mais clássicos é uma alusão ao conforto e está presente há algumas coleções. Prova disso são os novos modelos de moletons com bordados, estampas e acabamentos mais ousados, além das jaquetas bombers”, comenta a consultora de imagem Ana Adad.

Minimalismo, conforto e muita tecnologia na confecção dos tecidos são as principais estrelas deste moderno time. Roupas soltas, largadas, passam longe da escalação sport-­chic. Por outro lado, as cores fortes e listras largas saem do banco de reservas e vão a campo. Assim como a mistura de tecidos nobres como o couro e o linho com os tecnológicos neoprene e o poliéster, seja em jaquetas, vestidos, calças e casacos.

Tons e estampas

Cortes retos, confortáveis e feitos a laser, estampas geométricas e a leveza da seda e transparências valorizam o movimento e correm pelas laterais. E o tênis, antes proibido em algumas combinações, entra para desequilibrar qualquer jogo de tendências. “Você pode vestir uma saia com animal print, um tênis dourado e uma camiseta branca para manter a elegância com uma pegada esportiva”, exemplifica Ana. De acordo com a consultora, o dress code atual é muito democrático e as misturas vieram para ficar, respeitando sempre o estilo pessoal.

Tendo como inspiração a tendência sport-chic para este inverno e com boas vibrações para a realização da Copa do Mundo em Curitiba, fomos ao estádio sede do torneio em 1950, o Durival Britto e Silva, a Vila Capanema, para brindar a grande paixão nacional, o futebol. Com referências atuais da moda esportiva mescladas à alfaiataria e ao streetstyle, deixamos o revés daquela edição do torneio para trás (o Brasil perdeu para o Uruguai na final) e apostamos em muita festa nas próximas semanas, seja em campo ou nas ruas da cidade.

Fonte: gazeta

 Veja Também